TRESC

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina
Início menu principal
  • T
  • FB
  • Y
  • Soundcloud
  • Instagram
Ir para caixa de pesquisa
 
Início conteúdo

Conheça os municípios que são destaque no cadastramento biométrico

29.06.2017 às 11:50

Todos os municípios de Santa Catarina já estão cadastrando eleitores biometricamente, sendo que, em 43 deles, o procedimento é obrigatório. Confira a lista dos municípios que estão realizando revisão de eleitores. Dos municípios que estão fazendo revisão de eleitores, Botuverá, Tangará, Cunha Porã e Palmitos são os que estão cadastrando eleitores em número acima do esperado. 

Botuverá está cadastrando uma média diária de 105 eleitores, sendo que a meta é de 33 eleitores. Osvaldo Claudionei Atanazio, chefe de cartório substituto da 5ª Zona Eleitoral (Brusque), que abrange Botuverá, destacou que a abertura do posto de atendimento no município influenciou no aumento do número de atendimentos. O atendimento no posto, que ficará aberto até o dia 21 de julho, pode ser agendado pelo site do TRE-SC. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h30 e das 13h30 às 17h. 

Já entre os municípios que estão cadastrando eleitores de forma não obrigatória, Imbuia, Rio do Campo, São Carlos, Itaiópolis e Águas de Chapecó são os que se destacam entre os municípios que estão realizando o cadastro acima da média esperada. Outros municípios maiores, que também estão realizando o cadastramento biométrico de forma ordinária, aparecem na lista, a exemplo de Rio Negrinho, Tijucas, Joaçaba, Fraiburgo, Guaramirim, Barra Velha, Canoinhas, Porto União e Lages.  

Em Imbuia, município de apenas 4.569 eleitores, o cartório eleitoral está cadastrando quase cinco vezes o esperado. Kathryn Haut, chefe de cartório da 39ª Zona Eleitoral (Ituporanga), que abrange o município de Imbuia, destacou que a divulgação feita pelos spots enviados às rádios de Imbuia pode ter sido um fato determinante para o aumento do número de atendimento deste município em relação aos outros da mesma zona eleitoral.

Para realizar o procedimento biométrico, é necessário que o eleitor leve documento de identificação com foto, comprovante de residência recente e comprovante de alistamento militar – para os homens maiores de 18 anos e que vão fazer o primeiro título.

A biometria é um método tecnológico que permite reconhecer, verificar e identificar uma pessoa por meio de suas impressões digitais, que são únicas. Na Justiça Eleitoral, o cadastro biométrico é utilizado para tornar as eleições ainda mais seguras e prevenir fraudes. 

Por Stefany Alves
Assessoria de Comunicação Social do TRE-SC